Crivella vai pedir ajuda do Exército para abordar pedestres no isolamento do coronavírus

Prefeitura do Rio recomenda que estabelecimentos priorizem idosos no delivery.

A Prefeitura do Rio informou neste sábado (21) que vai solicitar ao Ministério da Defesa um efetivo para abordar pessoas que estiverem na rua sem necessidade.

“Pedimos praças e soldados para circular na Zona Sul e abordar idosos que estejam circulando. É para dizer da solicitação de se preservarem em casa”, afirmou. “Vamos pedir que o Exército coloque em cada quarteirão um ou dois soldados”, diz.

“Na Barra da Tijuca e na Zona Sul, precisamos diminuir a exposição dessas pessoas. Vamos pedir para que voltem para casa ou sejam breves.”

Mercados 24 horas e com delivery

A Prefeitura do Rio também vai pedir a todos os supermercados da cidade que ofereçam serviço de entrega em casa. Em uma coletiva, o prefeito Marcelo Crivella solicitou que os estabelecimentos priorizem idosos nos deliveries.

“Nós também pedimos aos supermercados que, se desejarem, podem trabalhar 24 horas. Hoje [sábado] havia filas enormes de automóveis para estacionar e ir aos supermercados. É muito importante que não façamos aglomerações em lugar nenhum, inclusive nos mercados”, disse Crivella.

Segundo o prefeito, a entrega deve ser feita em até 48 horas.

Crivella anunciou ainda a abertura, das 17h às 20h, de restaurantes populares, para o jantar a partir de quarta-feira (25). A rede já oferece café da manhã e almoço.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

WhatsApp